Cláudia Lemes Dissolução

Resenha: Dissolução

17:41Arlindo Barata

Título Original: The Woodsons – Dissolution
Autora: Cláudia Lemes
Páginas: 540
Editora: Independente (Multifoco)

Dissolução é dividido em três partes: O Livro da Cláudia, O Livro do Charlie, e O Diário da Beth. E em cada uma dessas partes temos histórias quase que distintas, mas que se completam.
Desta forma ‘Dissolução’ inicia com O Livro da Cláudia, ou O Livro da Juventude, que tem seus acontecimentos narrados em 1998-1999. Como é bem sugestivo, Cláudia é o foco, ela junto com sua amiga, Mia, chegam a New Haven e é neste local quase que isolado, conhecem os irmãos Woodsons, Patrick, James e Johnny.
Os Woodsons moram em uma mesma casa, juntos com Julie e Ricky, a esposa e filho de James. E Cláudia acaba se apaixonando por Patrick, mas tem um passado que pode estragar com tudo. Um passado que envolve Tony, um grande mafioso e líder da família Conicci. E com o título de esposa do Tony, ela foge de Las Vegas e chega aos braços de Patrick.


O Diário da Beth ou A Menina Que Matou Donald, narrado em 1969-1997, é dividido em seis partes e distribuídas por todo o livro ‘Dissolução’. Conhecemos Beth Woodson (a mãe de Patrick, James, e Johnny) em sua juventude, e descobrimos de onde vem a crença de que a família Woodson é amaldiçoada pelo amor e ódio. Beth amou e magoou a muitas pessoas para proteger os seus filhos.
O Livro do Charlie, ou o Livro da Vingança (1983-2001), tem o foco na vingança do Charlie Retorini, não me diga e para isso ele entra para a máfia, para a família Conicci e conquista a confiança de Tony. Ele quer destruir Tony, mas não sabia que começaria a amá-lo.


Algo que conclui com a leitura de ‘Dissolução’ é que Cláudia Lemes não compaixão nenhuma por seus personagens (ksksks), ainda não tinha visto personagens sofrerem tanto. Cláudia conseguiu criar personagens incríveis e reais, tanto como a Cláudia (que tem sim o mesmo nome que a autora), como Tony e Charlie.
Dissolução não é apenas só esses personagens, têm também Viking, Rocket, Madge, Fabrício, que têm grandes importâncias na história. Todos os personagens foram totalmente explorados e isso foi o que mais me cativou e bem estruturados. Cláudia nos dá uma lista de nomes para odiar, para ter compaixão, para amar, e para dependendo dos momentos ter nossos favoritos.



Cláudia Lemes tem um tesouro em suas mãos (na verdade três tesouros.. ksks). O sucesso da trilogia Os Woodsons, não é outra se não, o excelente trabalho da autora. Dissolução ti prende e surpreende a cada página. Do romance à ação, das lagrimas ao sangue, da tranquilidade de New Haven à máfia dos Conicci. Esse é um bom livro para ser descoberto pelos leitores.
Dissolução é o 1º volume da trilogia ‘Os Woodsons’. E após ter conquistados fãs por todo o mundo chegou ao Brasil. Antes lançado de modo independente pela autora, agora terá relançamento pela editora Multifoco, e assim em breve você poderá adquirir o seu exemplar.

Classificação:




Por Arlindo Barata

You Might Also Like

4 comentários

  1. Esse livro me lembrou Deixe a neve cair, que também é escrito por três pessoas, histórias diferentes mas que se completam... Adoro livro assim rsrs *---* adorei sua resenha também, beijo ;*

    ResponderExcluir
  2. Você elogiou bastante o livro, ele parece ser bacana e o fato de ter sido lançado de forma independente é uma boa lição. Mas confesso que não fiquei com vontade de ler por ele não fazer meu estilo.

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. A trama parece ser eletrizante! Amei! É tão bom encontrar em livro diferente!

    Love, Nina.
    ninaeuma.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Já ouvi falar tanto de Dissolução, o livro realmente parece bem maduro e bem escrito, tenho curiosidade em ler ele *-* Até porque, ler um livro diferente do que a gente tá acostumada é sempre ótimo!

    bjos,
    Bianca

    www.blogsomaisum.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Popular Posts

Flickr Images

Formulário de contato